Condómino com classe não reclama… Dá feedback!

Quando o relacionamento com os vizinhos ou o administrador irrita, muitas vezes a primeira reacção é extravasar de forma explosiva os sentimentos de zanga e contrariedade.

Este procedimento perante a frustração das expectativas é a repetição de um padrão de comportamento vivido, frequentemente, por exemplo, em casa. Perante comportamentos que não se enquadram no esperado pelos pais, o resultado, a maior parte das vezes, são ralhetes em tom ríspido, com palavras duras, castigos, penalizações, quase sempre aplicados de forma pouco controlada.  Acaba-se por assumir inconscientemente que perante algo que não acontece da forma esperada é aceitável reclamar extravasando o mau génio.

Quebre-se o padrão! No calor da emoção é difícil tomaram-se as decisões mais adequadas, aumentando consideravelmente a possibilidade de boicotar o entendimento. Deixe passar a ira, pense calmamente na solução que pretende alcançar e depois trace uma estratégia para o efeito.
Se o vizinho de cima fuma na varanda e atira as beatas para o seu terraço, mantenha a calma… Visite-o e ofereça-lhe um cinzeiro. Se alguém costuma deixar o saco do lixo no corredor do condomínio, leve o saco para o lixo e experimente deixar uma nota na porta – “ Verifiquei que por algum impedimento não pode levar o saco para o caixote do lixo. Vendo, que tal como eu, é zelosa pela higiene, hoje fi-lo por si. Nos outros dias espero que seja a vizinha a fazê-lo.” Se tiver dúvidas quanto à administração do condomínio, não faça juízos de valor sem primeiro recolher a informação que necessita.

Quando algo não for do seu agrado não reclame exaltadamente, mantenha a elegância e dê o seu feedback com tranquilidade, positivismo e alguma imaginação…

Etiquetas: ,

2 Respostas to “Condómino com classe não reclama… Dá feedback!”

  1. Paulo Castro Says:

    Bom Dia,

    Gostava de saber se possível com que frequência ou quando é que são feitas inspecções às instalações do Gás no prédio,tubagens,etc, para verificação por exemplo de fugas,etc. é obrigatório? temos que ser nós a pedir? ao fim de quantos anos ou temos que esperar um acidente acontecer? pergunto isto pois não faço a mínima ideia mas gostava de ficar mais descansado quanto a este assunto.Sei que tenho um certificado de quando a casa foi nova mas e agora? será que me podem esclarecer?

    Obrigado

    Paulo Castro
    Póvoa de Sta. Iria

  2. Helena Portugal Says:

    As inspecções periódicas, às instalações de gás nos edifícios habitacionais devem ser feitas de cinco em cinco anos em instalações de gás executadas há mais de 20 anos e que não tenham sido objecto de remodelação.
    No entanto, devem realizar-se inspecções às instalações de gás sempre que haja uma alteração no traçado, na secção ou na natureza da tubagem, nas partes comuns ou no interior das fracções autónomas, fuga de gás e novo contrato de fornecimento de gás.

    As inspecções devem ser solicitadas pelos condóminos para as fracções e pelo administrador do condomínio para as partes comuns.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: